Escolhendo o dentista

publicidade

Como escolher um médico dentista?

Muitos pais acham mais fácil levar a criança ao seu próprio dentista, a quem já conhecem e já estão acostumados. Porém, a qualificação de odontopediatra é importante porque existem várias técnicas psicológicas para saber lidar com o comportamento infantil.

É comum a criança chorar na cadeira do dentista. Afinal, qual a graça de ficar ali sentada com a boca aberta sem saber o que está acontecendo? É aqui que entra a sensibilidade do profissional para conversar com esse pequeno paciente, que de paciente não tem nada, e explicar o que está acontecendo. O odontopediatra deve conversar com a criança de uma maneira que ela se envolva na “brincadeira de achar o bichinho da cárie que mora nos dentinhos”.

É ele também que deve ter a sensibilidade de diferenciar o choro da criança. Muitas vezes não é dor que ela está sentindo, mas apenas irritação ou cansaço. E ainda cabe a ele ensinar os pequenos a cuidar dos próprios dentes e incentivar a escovação.

Dentista segurando uma dentadura grande para a criança escovar - foto: Edyta Pawlowska/ShutterStock.com

publicidade
publicidade