Andando de bicicleta

Mão no guidão e pés posicionados. Vamos passear de bicicleta! Mas cuidado para não se machucar.

publicidade

A primeira bicicleta a gente dificilmente esquece. Ainda mais quando já retirou as rodinhas auxiliares. Os passeios agradáveis na pracinha e alguns tombos fazem parte da infância. Mas, para livrar o pequeno dos possíveis machucados, siga alguns procedimentos à risca. 

O uso do capacete é fundamental para evitar acidentes graves. Ele deve estar centrado na parte de cima da cabeça e as tiras ajustadas e afiveladas sobre o queixo. O modelo precisa corresponder ao tamanho da criança, sem abrir mão do conforto. Verifique o selo do Inmetro no produto para evitar problemas. Em caso de queda, ele reduz em até 95% o risco de traumatismo craniano.  

Um bom exemplo pode ser dado quando ele estiver na companhia de outras pessoas que usam bicicleta. Quando os pais forem dar aquela voltinha, nada melhor do que também colocarem o equipamento de segurança. Desta forma, a criança dificilmente relutará contra o uso. 

Supervisione o passeio do seu filho. É importante que um responsável sempre esteja por perto. Ciclovias, parques e praças são os locais mais seguros para a diversão. 

Tênis fechados e amarrados devem substituir as famosas sandálias. Os riscos para que ela derrape os pezinhos em algum lugar diminuem bruscamente. 

Anote as dicas e aproveite um dia ensolarado para dar voltinhas com o filhote.

publicidade
publicidade