20 alimentos que viciam, porque isso acontece?

Pesquisa americana da Universidade de Michigan avaliou mais de 500 voluntários e constatou que considerados mais viciantes ainda são os que contém altas doses de açúcar e gordura. A médica nutróloga Dra. Ana Luisa Vilela, especialista em emagrecimento  da capital paulista, explica porque isso acontece. 

publicidade

Quem busca emagrecer utilizando uma alimentação mais correta tenta fugir do consumo de alimentos industrializados, processados e ricos em gordura e açúcar. Se por um lado essa missão nunca é tão simples, a explicação é fácil de entender.

20 alimentos que viciam, porque isso acontece?

“Esses alimentos realmente viciam e são os que mais fazem falta durante o processo de reeducação alimentar, já que o sistema de recompensa cerebral é ativado quando consumimos algo que gostamos muito. O prazer é imediato e pode ser equiparado a vícios em bebidas alcoólica, tabagismo e até drogas - por isso que trocar hábitos alimentares é tão difícil”, explica a médica.

A dica da nutróloga é saber dosar, já que quando o consumo de um doce todos os dias após o almoço se torna um hábito, por exemplo, é bem mais difícil riscar ele da lista. “Se há um equilíbrio na quantidade e o cérebro entende que algumas boas trocas suprem as necessidades, o vício não aparece. Assim, uma dieta torna-se rotina e nada fica ao extremo: nem o consumo, nem a abstinência”, revela a médica que listou aqui os alimentos que merecem atenção na hora de comer, segundo a pesquisa.

    1 – Pizza

    2 – Chocolate

    3 – Salgadinho

    4 – Cookies

    5 – Sorvete

    6 – Batata frita

    7 – Cheeseburger

    9 – Refrigerante

    9 – Bolo

    10 – Queijo

    11 – Bacon

    12 – Frango frito

    13 – Salgadinhos assados

    14 – Pipoca amanteigada

    15 – Cereal matinal

    16 – Gummies

    17 – Bife

    18 – Muffins

    19 – Nozes

    20 – Ovos


FONTE: Dra. Ana Luisa Vilela

Graduada em Medicina pela Faculdade de Medicina de Itajubá – MG, especialista pelo Instituto Garrido de Obesidade e Gastroenterologia (Beneficência  Portuguesa de São Paulo) e pós graduada em Nutrição Médica pelo Instituto GANEP de Nutrição Humana também na Beneficência Portuguesa de São Paulo e estágio concluído pelo Hospital das Clinicas de São Paulo – HCFMUSP.

Hoje, dedica-se a frente da rede da Clínica Slim Form a melhorar a autoestima de seus pacientes com sobrepeso com tratamentos personalizados que aliam beleza e saúde.

www.draanaluisavilela.com.br

publicidade
publicidade
publicidade